domingo, julho 27, 2014

Ao Falar de Ti...


Férias

Tempo de Descanso. Tempo de recuperação de forças. Pode ser um tempo perdido. Tantas vezes, as férias, cheias de tudo e de nada, se tornam um tempo de maior cansaço e de dispersão.

É o não querer perder nada… programam-se viagens, enchem-se malas, gasta-se por vezes o que não se tem, corre-se desalmadamente, … um sem número de nadas que rapidamente se desvanecem no primeiro dia de trabalho em que nos descobrimos absolutamente cansados e de regresso à simples e enfadonha rotina. Isto não são férias.

Férias é mudar de atividade. É descansar, não por ficar sem fazer nada ou porque seja obrigatório mudar de lugar, mas porque fazemos o que habitualmente não temos oportunidade… e fazemo-lo sossegadamente.

Convém prepararmos bem esse tempo. Para que não seja tempo perdido. É preciso planear o que se quer fazer, a que nos queremos dedicar nas férias. E esse plano pode e deve ser decidido com Deus, para que Deus não seja esquecido nas nossas férias. Deus deu-nos o exemplo: Descansou ao sétimo dia da criação. Mas no sétimo dia não se esqueceu de nós. Pelo contrário convidou-nos a descansar com Ele no louvor da oração.

Estas férias podem ser um tempo especial de oração…


AO FALAR DE TI...

Senhor,
Eu quero ouvir a Tua voz
Fazer florescer e frutificar a Tua Palavra,
Reconhecer-te, descobrir-te,
Em cada gesto,
Em cada palavra,
Em cada momento,
Em cada esquina da minha vida…

Perdoa o meu silêncio,
A minha falta de resposta…

Eu sei, Senhor,
Que tu conheces como ninguém
O meu coração fraco, débil,
Que a cada passo
Se deixa tentar pelo mal
Para depois se afogar em lágrimas de dor e desespero,

Eu sei também que a Tua mão
Está sempre estendida,
Pronta para me resgatar…
Vens ao meu encontro.

Perdoa, Senhor a minha cegueira,
Apura os meus sentidos e o meu coração
Para que sinta fome e sede de Ti
E Te possa sentir em tudo e todos…

Não permitas que o meu coração endureça,
Atrofie, se torne árido e seco,
Tendo a fonte tão perto de mim.
Não deixes que eu perca o brilho do olhar,
Ao falar de Ti.

 

segunda-feira, julho 07, 2014

A Oração





"A oração não é outra coisa senão criar amizade, estando muitas vezes a sós com quem sabemos que nos ama". (Santa Teresa de Jesus)

Sim, não é outra coisa. Rezar é falar com Deus, com JESUS, mas Ele mesmo nos ensinou que não se trata de falar por falar. Isso seriam palavras que o vento leva. Trata-se de falar com JESUS para nos tornarmos seus amigos, amigos íntimos, amigos que se conhecem a fundo e se amam com loucura. Assim é a oração! A história duma amizade maravilhosa, porque JESUS é o grande amigo, o melhor amigo que poderíamos encontrar.
Contudo, nesta amizade há condições especiais que veremos a seguir:

1. não vemos, não ouvimos, não tocamos Jesus com os sentidos do corpo. Temos que desenvolver outros sentidos "interiores" para O escutar, para entrar em contacto com Ele de uma forma tão real como é a amizade com o teu melhor amigo.
Por isso a primeira condição que Jesus nos pede é a solidão: "estar...a sós..." Não tenhas medo de ficar a sós com Jesus! Descobrirás tantas coisas...! Porque Jesus pode fazer o que nenhum outro amigo da terra sabe fazer: Ele une-se a nós, une-se a ti, de tal maneira que conhece e entende a tua intimidade mais profunda, aquilo que às vezes desejarias comunicar a um amigo e não podes. Jesus sabe isso porque ELE VIVE no teu interior. Por isso é importante o silêncio e a solidão. Procura Jesus em ti... está tão perto!
Verás que grande amizade podes fazer com Ele! Jesus irá dizendo coisas ao teu coração, falar-te-á, encher-te-á de uma alegria inexplicável... porque Ele é o melhor amigo. não te esqueças disso!

2. A segunda condição é a fidelidade. jesus pede-nos que não nos cansemos de O procurar. Ele sabe às vezes é-nos dificil, mas pede-nos persistência. Persistência no teu tempo de oração de cada dia. Se não esquecemos os nossos melhores amigos, como esquecer Jesus? Faz com Ele o mesmo que farias com um amigo. Fala-lhe com frequência: Ele está contigo vinte e quatro horas por dia, pois está dentro de ti, que mais queres?
E não penses que Ele fica indiferente aos teus esforços para ser fiel. quase sem te dares conta, como Jesus sabe qoe O amas. Ele sente-se bem ao teu lado e por dentro vai-te fazendo como Ele, vai-te convertendo nele. Como os amigos que gostam de ter coisas parecidas. Teresa de Jesus diz-nos assim:
Se vos acostumais a trazê-lo ao vosso lado, e Ele vê que o fazeis com amor, e que procurais agradar-lhe, não o podereis esquecer; não vos faltará nunca, ajudar-vos-á com todos os vossos trabalhos, tê-Lo-eis em todo o lado

3. A terceira condição desta amizade é o amor. Jesus, como qualquer outro amigo, pede-nos que O tenhamos no coração. Ele não quer que pensemos coisa bonitas sobre Ele. Jesus quer que O amemos. Portanto, cuidado com a tua oração, com a tua relação com Jesus. Não se trata de pensar muitas coisas sobre Jesus (então só O terias na cabeça); trata-se de amá-Lo, olhá-Lo, procurando ver o que Ele fazia, para O conhecer e amar melhor e quere o que Ele quer. se fizeres isto, então terá Jesus no teu coração.
também quer, uma vez que está sempre contigo, que fales com Ele frequentemente: conta-Lhe as tuas preocupações, diz-Lhe que estás triste, salta de alegria com Ele quando tiveres uma boa notícia... Jesus quer viver contigo o que tu vives, porque Ele preocupa-Se contigo.
Esta é a grande amizade: tu preocupas-te com as coisas de Jesus, em conheçê-Lo e amá-Lo. Ele preocupa-Se com as tuas coisas, querendo estar muito perto de ti. e assim vos amareis cada vez mais. Vivendo assim esta grande amizade, somos felizes. porque jesus nunca falha nem atraiçoa. e se nós também não O atraiçoamos, quem nos poderá separar? Ninguém, ninguém!
A Sua amizade é a mais segura de todas.
"Com um tão bom amigo presente, que foi o primeiro a padecer, tudo se pode sofrer. é uma ajuda e dá força; nunca falha; é um amigo verdadeiro..." (Santa Teresa)


Vídeo: The Prayer




Abraço fraterno!!
Arménio Rodrigues

domingo, julho 06, 2014

Bom Dia!


Quando te levantaste, pela manhã, Eu já tinha preparado o sol para aquecer o teu dia, e o alimento, para a tua nutrição.
Sim, Eu preparei tudo isso enquanto vigiava o teu sono, a tua família, a tua casa. Esperei pelo teu “BOM DIA!”, mas esqueceste-te!...
Bem… parecias ter tanta pressa! Eu perdoei!...
O sol apareceu, as flores deram o seu perfume; a brisa da manhã acompanhou-te e tu pensaste que fui Eu que preparei tudo para ti. Os teus familiares sorriam, os teus colegas cumprimentaram-te, trabalhaste, estudaste, viajaste, realizaste negócios, alcançaste vitórias, mas… não percebeste que Eu estava cooperando contigo e, mais teria feito, se Me tivesses pedido. Eu sei, corres tanto… Eu perdoei!...
Leste bastante, ouviste e viste muita coisa, mas não tiveste tempo de ler e ouvir a Minha Palavra. Quis falar contigo, mas não paraste para ouvir. Quis aconselhar-te, mas nem pensaste nessa possibilidade… Se Me ouvisses, tudo seria melhor na tua vida. Mais uma vez te esqueceste de Mim… Esqueceste-te que Eu desejo a tua participação no Meu Reino, com a tua vida, o teu tempo, os teus talentos!
Findou o teu dia! Voltaste para casa!
Mandei a lua e as estrelas tornarem a noite mais bonita, para te lembrar o amor que tenho por ti!
Certamente, agora, vais-me dizer “Obrigado” e “Boa Noite”!
Psiu… estás a ouvir? Que pena… já adormeceste! Boa Noite! Dorme bem! Eu fico a velar por ti!
E quando, enfim, quiseres saber quem sou, pergunta ao riacho que murmura e ao pássaro que canta, à flor que desabrocha e à estrela que cintila, ao moço que espera e ao velho que recorda… Chamo-me Amor, o remédio para todos os males que te atormentam o espírito:

EU SOU JESUS!!!